Luxação de Patela

A patela, antigamente conhecida como rotula, deve deslizar em uma depressão do fêmur, denominada sulco troclear. Quando a patela se deslocar para fora deste sulco temos uma luxação patelar. A luxação patelar é quase sempre de origem congênita, mas também pode ser traumática. A luxação patelar pode ser medial ou lateral e está dividida em quatro graus. O quarto grau é o mais grave e está geralmente acompanhado por severas deformidades ósseas. O tratamento cirúrgico é extremamente variado e pode ser desafiador nos casos com grandes deformidades.

Dúvidas